Quarta-feira, 9 de Abril de 2008

Ilegalidade nas Normas transitórias do ECD lesa professores na progressão na Carreira

As Normas transitórias do ECD encerram ilegalidades/irregularidades que vão lesar muitos professores na sua progressão na Carreira, obrigados ao cumprimento de mais anos, nos respectivos escalões, do que os que a própria carreira define.

Leia a situação descrita em baixo e confirme se não se encontra numa situação semelhante.

É importante que, todos quantos se encontrem nesta situação, solicitem um esclarecimento aos vários serviços competentes, DGRHE e respectiva DRE. 

Não podemos calar e, muito menos, compactuar com a ilegalidade.

 

 ....................................................................................

Maria Manuela dos Santos Marques
Professora do QZP, afecta à escola ....
 
À
Presidente do Conselho Executivo do
Agrupamento de Escolas ..............
....., em 8 de Abril de 2008
ASSUNTO: Progressão na carreira, ao abrigo do E.C.D.
Excelência,
Venho, pela presente, expor a V. Exª o seguinte:
Foi-me entregue, pelos serviços administrativos da Escola EB 2/3 de .........., uma simulação, timbrada pelo DGRHE que define, de acordo com o novo ECD, a consequente reposição dos docentes na carreira.
Assim, e de acordo com a referida simulação (anexo I), fui informada que, ao abrigo das normas transitórias definidas para a progressão na carreira, estaria posicionada no 3º escalão (índice 205), uma vez que, à data da entrada em vigor do novo ECD, me encontrava no então 6º escalão. Mais informa a simulação que possuo (em 31 de Março) 5370 dias de serviço efectivamente prestado.
Começo por notar que o ECD preconiza uma carreira docente com 35 anos, estabelecendo (conforme anexo II), o número de anos de permanência em cada escalão. Neste pressuposto, o docente que completar 5 anos de serviço prestado no 1º escalão, poderá transitar para o 2º escalão, onde permanecerá até ao 10º ano de serviço, momento em que reunirá as condições necessárias para transitar para o 3º escalão, onde permanecerá até ao 15º ano de serviço prestado, e assim sucessivamente.
Esta progressão não é, porém, linear nem coincidente com a simulação que me foi facultada. Ao contrário e, de acordo com as mesmas normas transitórias, apesar de completar no próximo mês de Julho 15 anos de serviço efectivamente prestado na carreira docente, eu devo ainda cumprir mais dois anos no 3º escalão, o que faz com que, apenas reúna condições de progressão ao cabo de 17 anos de serviço. Para uma mais fácil compreensão desta estranha situação, elaborei um quadro da minha possível progressão na carreira que, passo a apresentar:

Carreira Docente (Novo Estatuto)
Tempo de permanência
Minha possível progressão na carreira
1º escalão
5 anos /…5
 
2º escalão
5 anos /…10
 
3º escalão
5 anos /…15
…/17 anos
4º escalão
4 anos /…19
…/21 anos
5º escalão
4 anos /…23
…/25 anos
Professor titular
6 anos /…29
…/31 anos
Professor titular
6 anos /…35
…/37 anos
TOTAL
35 anos
37 anos

 
Como pode V. Exª facilmente aferir da leitura do quadro, os objectivos estabelecidos no ECD não poderão, nunca, por força da imposição das normas transitórias, ser por mim alcançadas, uma vez que é, matematicamente impossível, alcançar o topo da carreira de 35 anos, preconizada e definida no ECD, sendo que esse objectivo levaria 37 anos a atingir.
Parece-me, então, que estas normas transitórias definidas pelo Ministério da Educação não estão, assim, em conformidade com o estabelecido no ECD, configurando mesmo uma situação de ilegalidade.
Esta situação é ainda agravada pela desigualdade criada entre os docentes que permite que, por exemplo, com 16 anos de serviço possam, uns docentes estar posicionados no 4º escalão, enquanto outros sejam obrigados a permanecer no 3º escalão, na mesma carreira.
Assim, solicito a V. Exª se digne esclarecer, junto das entidades competentes, tão estranha e pouco clara situação, uma vez que considero que, ao completar 15 anos de serviço docente, me encontro em condições de poder transitar para o 4º escalão, tal como está definido no actual ECD.
Sem outro assunto e, esperando que este mereça de V. Exª a melhor atenção,
Atenciosamente,
 
____________________________
Maria Manuela dos Santos Marques

 

 

 

publicado por Margarida às 15:15

link do post | comentar
1 comentário:
De Prof. Paulo a 23 de Maio de 2008 às 22:35
Apelo a todos os que estão nesta situação para que se unam, e enviem a todas as bancadas parlamentares uma carta a relatar esta situação, que é de uma grande injustiça e até mesmo anticonstitucional. Em Portugal para uns há reformas com meia dúzia de anos de serviço, para outros comete-se destas injustiças. Parece-me que a classe de professores terá que formar um partido, para poder defender os seus direitos.

Comentar post

.Software:gp-Untis

.links

.gp-Untis/Software horários escolares

.Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Rui Pedro

.posts recentes

. Distribuição de serviço -...

. Critérios de correcção / ...

. ... e o que acontece a se...

. Transição ilícita para co...

. Hinos nos horários escola...

. Sobre a alegada cedência ...

. Professores titulares vão...

. E assim andamos...

. Concurso de professores 2...

. Acho que já estou de volt...

. Intimidação da DGRHE cheg...

. Escolas sem condições par...

. Posição contra a definiçã...

. INFÂNCIAS (IN)FELIZES

. Sindicatos avançam para t...

. Legislação sobre avaliaçã...

. Presidentes dos Conselhos...

. Efeitos colaterais do cas...

. NOVAS

. Pois é...

. Ao que chegamos...

. Objectivos Individuais Si...

. Objectivos Individuais / ...

. "Dezenas de milhares" vão...

. Nota à Imprensa do Grupo ...

. Recusa de avaliação alast...

. Sugestões... A força do s...

. Conclusões da Reunião (Pl...

. Avaliação Simplex e Objec...

. Para mais do mesmo ...

. Decretos Regulametares da...

. Os princípios ficam na g...

. FENPROF desvaloriza promu...

. Mesmo a tempo para que nã...

. Hinos nos Horários Escola...

. Crianças entre os 10 e os...

. Imagem do dia: 26 de Deze...

. 10 coisas para esquecer e...

. Reflexões: Eduardo Prado ...

. Hinos nos Horários Escola...

.Visitas: 5/11/07

.Protesto Vale do Sousa

.tags

. 15 novembro(1)

. 1ºministro(2)

. 25 de abril(2)

. 8 novembro(5)

. acção social(1)

. acordo(3)

. alunos(4)

. avaliação de professores(92)

. avaliação externa(1)

. carreira(1)

. cidadania(11)

. colegas(1)

. colocação professores(3)

. comentários(2)

. concurso professores(7)

. concurso professores 2009(1)

. concurso titulares(6)

. conformidade cpd dúvida(1)

. conselho escolas(2)

. currículos(6)

. democracia(7)

. despachos(4)

. desporto escolar(1)

. dgrhe(3)

. distribuição de serviço(14)

. dúvida(2)

. ecd(1)

. educação(21)

. ensino superior(2)

. estatuto alunos(9)

. estatuto carreira docente(19)

. exames(1)

. exames 9ºano(1)

. fim de ano(1)

. gestão escolas(4)

. greve(3)

. greve alunos(2)

. hinos(27)

. homenagem(5)

. horário dos alunos(2)

. horários professores(8)

. ilegalidade ecd(8)

. imagens(1)

. indisciplina(7)

. inspecção(1)

. instrumentos de registo(8)

. internacional(1)

. magalhães(2)

. marcha lisboa(5)

. ministra(31)

. moção(4)

. movimentos(31)

. necessidades residuais(2)

. objectivos individuais(10)

. objectivos individuais simplex(1)

. opinião(8)

. organização ano lectivo(6)

. plano tecnológico(14)

. portefólio(2)

. processos disciplinares(1)

. protesto(41)

. provas aferição(2)

. providência cautelar(4)

. psd(1)

. reacção escolas(1)

. reflexões(1)

. relatório ocde(1)

. santana castilho(1)

. simplificação(2)

. sindicatos(39)

. sócrates(3)

. software horários(7)

. testemunhos(1)

. valores opinião(4)

. valter lemos(6)

. todas as tags

.Prémio atribuído por "Revisitar a Educação" e "Ramiro Marques"

.Manifestação 8 de Novembro

.sobre mim

Pesquisa personalizada

.subscrever feeds

.arquivos

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Novembro 2007