Quarta-feira, 5 de Novembro de 2008

Protesto - Tudo se desmorona

Estando decorridos praticamente 2 meses desde o início das actividades lectivas, sinto que fui colocado numa escola diferente sem, no entanto, ter por algum momento abandonado este local de trabalho a que gosto de chamar a minha escola.

 

Sendo este o 5º ano de trabalho neste Agrupamento e o 16º enquanto professor, tenho vivido nos últimos tempos, como todos os outros professores, a distorção de um eixo de princípios e pressupostos que nos fizeram escolher uma carreira que assumimos como nossa, uma carreira que escolhi por convicção e que, ao contrário de um amor à primeira vista, fui abraçando gradualmente com mais paixão e entrega.

 

Tudo se desmorona. Desde as primeiras notícias de um ECD alegadamente contra os professores, até à publicação do mesmo, confirmando-se o facto de este ser altamente penalizador e punitivo para com uma classe profissional que desde sempre tem acatado todas as directivas superiormente emanadas, descabidas ou não, adoptando-as e adaptando-as devidamente à realidade de cada escola / agrupamento.

 

Tudo se desmorona. Com o novo modelo de avaliação de professores, o espírito de cooperação e companheirismo que tornava qualquer projecto um motivo de entusiasmo em que professores e alunos se embrenhavam de forma solidária e construtiva, transforma-se a olhos vistos em ambiente de intriga, desconfiança e conspiração. O ambiente que se respira na sala de professores é de uma tensão doentia, os intervalos já não servem para recarregar energias, são antes a extensão das intermináveis reuniões de grupos, departamentos, conselhos pedagógicos, entre muitas outras. Uma simples ida à casa de banho durante o intervalo nem sempre é tarefa fácil, tais as solicitações a serem feitas durante a travessia da sala de professores.

 

Tudo se desmorona. A correcção de testes começa a ser uma tarefa que implica roubar tempo ao repouso mínimo, se tempo houver para o mesmo, ou à família. A preparação de aulas e leccionação das mesmas, desde sempre assumido por todos como função primordial do professor, no fundo aquela que nos trouxe até aqui, torna-se um desafio complexo de efectivar, tal o tempo e energia consumidos nos infindáveis e obscuros documentos que diariamente temos que debater, adaptar, validar, burocracia esta que será, a seu tempo e se nós o permitirmos, a orientação, a luz, a batuta dos novos professores.

 

Tudo se desmorona. A escola que estava a ser pacientemente construída por todos e para todos, foi brutalmente sacudida por um sismo economicista de preconceitos, precipitações e incompetências. E sinto que estou a perder os alunos. Sinto que os alunos perdem os professores em cada reunião que termina, em cada documento aprovado, em cada medida controladora, persecutória e punitiva que nos é imposta.

 

Estou cansado. Física e emocionalmente cansado. E Novembro só agora começou. Será que o resto da minha carreira vai ser um longo e interminável Outono? Será que voltaremos a ter a felicidade e a energia para fazer brotar Primaveras sorridentes dos olhos dos nossos alunos? Será que o meu, o nosso futuro passa por uma corrida estéril às vagas ridículas de Excelentes e Muito Bons? Será que a minha escola vai ser o leito de disputas histéricas pelo portefólio mais colorido e com mais giga bytes, pela planificação com mais itens e páginas, pelo registo de avaliação mais barroco, apesar de fabricado?

 

Não. Não é esta escola que quero para mim. E não, definitivamente não é esta escola que quero para as minhas filhas.

 

Resta-me protestar. Resta-me tornar este mais um protesto, mais uma voz a ecoar no já imenso coro da indignação. Protesto e apelo a todos os professores deste agrupamento, em especial aos órgãos pedagógicos, que não deixem a escola desmoronar-se.

 

José Eduardo Carvalho

 (PQE, Agrupamento de Escolas Lousada Oeste)

 

O olhar sentido do Zé faz eco no sentir da maioria dos professores e, certamente, no de muitos pais deste país.

Como diz o Zé Eduardo, resta-nos protestar e fazer a ONDA CRESCER...

 

tags:
publicado por Margarida às 15:15

link do post | comentar

.Software:gp-Untis

.links

.gp-Untis/Software horários escolares

.Julho 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Rui Pedro

.posts recentes

. Distribuição de serviço -...

. Critérios de correcção / ...

. ... e o que acontece a se...

. Transição ilícita para co...

. Hinos nos horários escola...

. Sobre a alegada cedência ...

. Professores titulares vão...

. E assim andamos...

. Concurso de professores 2...

. Acho que já estou de volt...

. Intimidação da DGRHE cheg...

. Escolas sem condições par...

. Posição contra a definiçã...

. INFÂNCIAS (IN)FELIZES

. Sindicatos avançam para t...

. Legislação sobre avaliaçã...

. Presidentes dos Conselhos...

. Efeitos colaterais do cas...

. NOVAS

. Pois é...

. Ao que chegamos...

. Objectivos Individuais Si...

. Objectivos Individuais / ...

. "Dezenas de milhares" vão...

. Nota à Imprensa do Grupo ...

. Recusa de avaliação alast...

. Sugestões... A força do s...

. Conclusões da Reunião (Pl...

. Avaliação Simplex e Objec...

. Para mais do mesmo ...

. Decretos Regulametares da...

. Os princípios ficam na g...

. FENPROF desvaloriza promu...

. Mesmo a tempo para que nã...

. Hinos nos Horários Escola...

. Crianças entre os 10 e os...

. Imagem do dia: 26 de Deze...

. 10 coisas para esquecer e...

. Reflexões: Eduardo Prado ...

. Hinos nos Horários Escola...

.Visitas: 5/11/07

.Protesto Vale do Sousa

.tags

. 15 novembro(1)

. 1ºministro(2)

. 25 de abril(2)

. 8 novembro(5)

. acção social(1)

. acordo(3)

. alunos(4)

. avaliação de professores(92)

. avaliação externa(1)

. carreira(1)

. cidadania(11)

. colegas(1)

. colocação professores(3)

. comentários(2)

. concurso professores(7)

. concurso professores 2009(1)

. concurso titulares(6)

. conformidade cpd dúvida(1)

. conselho escolas(2)

. currículos(6)

. democracia(7)

. despachos(4)

. desporto escolar(1)

. dgrhe(3)

. distribuição de serviço(14)

. dúvida(2)

. ecd(1)

. educação(21)

. ensino superior(2)

. estatuto alunos(9)

. estatuto carreira docente(19)

. exames(1)

. exames 9ºano(1)

. fim de ano(1)

. gestão escolas(4)

. greve(3)

. greve alunos(2)

. hinos(27)

. homenagem(5)

. horário dos alunos(2)

. horários professores(8)

. ilegalidade ecd(8)

. imagens(1)

. indisciplina(7)

. inspecção(1)

. instrumentos de registo(8)

. internacional(1)

. magalhães(2)

. marcha lisboa(5)

. ministra(31)

. moção(4)

. movimentos(31)

. necessidades residuais(2)

. objectivos individuais(10)

. objectivos individuais simplex(1)

. opinião(8)

. organização ano lectivo(6)

. plano tecnológico(14)

. portefólio(2)

. processos disciplinares(1)

. protesto(41)

. provas aferição(2)

. providência cautelar(4)

. psd(1)

. reacção escolas(1)

. reflexões(1)

. relatório ocde(1)

. santana castilho(1)

. simplificação(2)

. sindicatos(39)

. sócrates(3)

. software horários(7)

. testemunhos(1)

. valores opinião(4)

. valter lemos(6)

. todas as tags

.Prémio atribuído por "Revisitar a Educação" e "Ramiro Marques"

.Manifestação 8 de Novembro

.sobre mim

Pesquisa personalizada

.subscrever feeds

.arquivos

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Novembro 2007